Siga o Portal do Holanda

Famosos & TV

Anitta posta desabafo sobre queimadas na Amazônia e questão indígena

Publicado

em

Foto: Reprodução Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Governo do Amazonas erra e pânico cresce com avanço da Covid-19


A cantora Anitta usou os stories de seu Instagram para publicar um desabafo sobre a situação das queimadas na região da Amazônia, e aproveitou para falar também sobre a questão indígena no Brasil.

"Primeiro de tudo: pensa aí: antes do seu tataravó, bisavó, sabe quem estava aqui no Brasil? Os indígenas. Então não existe isso de fazendeiro, fulano, beltrano, achar que alguém pode ser dono da terra que o índio está ali morando", começou Anitta.

Na sequência, continuou: "No caso, a terra do nosso Brasil inteiro é do índio, porque, quando chegaram, quem estava aqui? Os indígenas. Aí eles foram escravizados, roubados, invadidos e assassinados. Aí sim as terras passaram a não ser mais dos indígenas."

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Anitta entrou no grupo (@anittanogrupo) em

"Antes de Pedro Álvares Cabral chegar no país, as terras, quem estava tomando conta delas, se você for aplicar a lei do usucapião, de quem vai ser a terra? Dos índios. Então não existe isso de brigar [pela terra]. A terra é deles amor.", opinou a cantora.

Em sequida, Anitta sugeriu uma situação hipotética: "Se um indígena chegar na minha casa agora e pedir para dormir no meu quarto, vou me sentir na obrigação de abrir e falar assim: 'querido, entre'. Porque, antes de tudo, de chegarem e invadirem o território dos indígenas, eles estavam lá."

"Não existe motivo de ter discussão, porque eles estavam lá antes de todos nós. Se você não é descendente de indígenas, asism como eu não sou - provavelmente - você não pode dizer que a terra é sua. Porque eles estavam aqui antes de todo mundo chegar. Isso aí a gente aprende lá no ensino fundamental", complementou a cantora.

Por fim, Anitta concluiu: "Por mim deixava a Amazônia inteira ao cuidado dos indígenas, porque aí não estavam matando, acabando com a nossa floresta, nossos animais, com nosso único patrimônio, que é o pulmão do mundo. O mundo inteiro conhece o País por causa da Amazônia, da quantidade de verde que a gente tem."

 Horas depois, a cantora retornou aos stories para negar que sua opinião tenha a ver com seu posicionamento político: "Não sou de esquerda, não sou de direita. Não sou apoiadora de PT, de Bolsonaro, de ninguém. Já que vocês gostam de dar audiência para coisa baixa... Eu sou de quatro, de lado, de frente, de costas, isso daí eu sou."

"Não me interessa quem 'tacou' fogo, se foi a seca, se foi fulano, se foi beltrano. O que importa é a pessoa resolver a questão", continuou.

Artistas falam sobre as queimadas na Amazônia

Artistas internacionais como Leonardo DiCaprio e os cantores Lauren Jauregui e J Balvin também usaram seu Instagram para compartilhar sua preocupação com a Amazônia.

Diversas personalidades brasileiras fizeram o mesmo. "Que Deus proteja nossa floresta", postou Luan Santana. 

O cantor Nego do Borel, condenado a pagar indenização de R$ 20 mil a um motorista de aplicativo recentemente, publicou um story: "Luto: por todos os animais queimados vivos na Amazônia".

Nomes como Fernanda Souza, Eliane Giardini, Leticia Sabatella, Giovanna Ewbank e Alinne Moraes também fizeram publicações sobre a Amazônia. Confira abaixo: 

 


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Giovanna Ewbank (@gio_ewbank) em

 

 

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.