Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Detentos participam de prova do encceja no Amazonas

Publicado

em

Foto: Divulgação

Manaus/AM - Mais de 550 internos do sistema prisional realizaram o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos para Pessoas Privadas de Liberdade (Encceja Nacional/PPL). As provas foram aplicadas ontem (08) e hoje (09/10), sob a coordenação da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap).

Este ano, a Seap, por meio da Escola de Administração Penitenciária (Esap), inscreveu 137 internos do interior e 415 da capital, totalizando 552 participantes. Destes, 333 tentam a certificação para o Ensino Fundamental, e 219, para o Ensino Médio. “Este ano, registramos a maior número de inscritos. A educação também faz parte da ressocialização e contribui para reinserir o indivíduo à sociedade”, analisou o titular da Seap, coronel Vinícius Almeida.

Os reeducandos se submeteram a quatro provas objetivas por nível de ensino e uma redação. As provas objetivas tinham 30 questões de múltipla escolha cada. Os participantes que buscam a certificação para o Ensino Fundamental foram avaliados nas seguintes áreas: Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Ciências Naturais, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física e redação.

Para o Ensino Médio, os conhecimentos exigidos foram: Matemática e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Linguagens e Códigos e suas Tecnologias e redação.

O Encceja é destinado a pessoas que não concluíram os ensinos Fundamental ou Médio na idade adequada. Para receber a certificação, os participantes precisam atingir, no mínimo, 100 pontos nas provas objetivas e 5 pontos na redação. O resultado do exame sai em dezembro.

Remição pelo estudo – Os reeducandos que se inscreveram no Encceja terão direito à remição da pena pelo estudo. A cada 12 horas de estudo, os internos diminuem um dia de sua pena, como previsto na Lei de Execução Penal (LEP).

Encceja – O exame é aplicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), em parceria com o Departamento Penitenciário Nacional, vinculado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Suspense e mistério no caso Valeiko/Flávio Rodrigues

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.