Siga o Portal do Holanda

Combustíveis

No Amazonas, deputado quer alíquota do ICMS de 18% na gasolina

Publicado

em

Para Barreto, alíquota de 18% em combustível favorece a economia - Foto: Eustáquio Libório/Portal do Holanda Para Barreto, alíquota de 18% em combustível favorece a economia - Foto: Eustáquio Libório/Portal do Holanda
Para Barreto, alíquota de 18% em combustível favorece a economia - Foto: Eustáquio Libório/Portal do Holanda

Coronavírus já pode estar dentro de casa


Manaus/AM - O deputado estadual Wilker Barreto (Podemos) afirmou nesta quarta-feira, 19, que o combustível e a energia elétrica precisam ser considerados itens essenciais pelo Governo do Amazonas. Em meio a diversas manifestações de caminhoneiros, motoristas de aplicativos e mototaxistas pela redução do preço da gasolina no Estado, o parlamentar sugeriu que o Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre os itens de consumo seja de 18%, mesma alíquota praticada no preço do gás de cozinha no Estado.

Para Barreto, a cobrança de 18% do ICMS sobre o combustível e a energia elétrica, a exemplo do gás de cozinha, mexeria positivamente na cadeia econômica do Estado e traria alívio para o bolso do consumidor.

Atualmente, a região Norte tem a maior alíquota de ICMS sobre o gás de cozinha do País. O Amazonas tem a segunda maior alíquota, 18%, perdendo apenas para o Amapá, cuja cobrança do tributo chega a 25%. Em outros estados, o tributo varia entre 17% e 12%.

Audiência Pública

Nesta quarta-feira, 19, os deputados da Aleam realizarão uma Audiência Pública para a discussão da redução do ICMS sobre o preço dos combustíveis no Amazonas.

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.